Quarta, 13 Março 2019 16:58

Vaticano – Parecer positivo na Causa do Servo de Deus Augusto Bertazzoni

Escrito por  Agência iNfo Salesiana - ANS
Classifique este artigo
(0 votos)

No dia 12 de março de 2019, no decurso do Congresso Peculiar dos  Consultores Teólogos, realizado na Congregação das Causas dos Santos, foi dado parecer plenamente positivo acerca do exercício heroico das virtudes, da fama de santidade e de sinais, do Servo de Deus Augusto Bertazzoni, Arcebispo de Potenza, nascido em Pegognana (Mântua) no dia 10 de janeiro de 1876 e falecido em Potenza aos 30 de agosto de 1972. O Servo de Deus frequentou o Oratório salesiano de Turim, onde se encontrou com Dom Bosco, o qual exerceu uma grande influência sobre toda a sua formação.

 

A 'Positio' foi apresentada em 27 de setembro de 2013 pelo P. Pierluigi Cameroni SDB, Postulador em sede romana, e teve como relatores, num primeiro tempo, o P. Daniel Ols OP; sucessivamente, o P. Zdzislaw Kijas OFM Conv.; e como colaborador Dom Gerardo Messina, ex-Vice-Postulador, coadjuvado pela Dra. Lodovica Maria Zanet, colaboradora da Postulação salesiana.

 

É belo recordar que esta passagem fundamental da Causa se deu em 12 de março, dia da morte de São Luís Orione, que, com o jovem Augusto Bertazzoni, foi aluno do oratório de Valdocco, em Turim: ambos estiveram entre os meninos que, em 1887, ofereceram sua vida pela saúde de Dom Bosco; o Santo dos Jovens, por sua vez, já havia profetizado que o jovem Augusto um dia seria Bispo.

 

Dom Bertazzoni foi um bom pastor e pai dos pobres, verdadeiro homem de Deus, homem de fé e de oração, pregador incansável da Palavra de Deus, sempre atento às necessidades espirituais dos Fiéis – também dos não crentes –, pelos quais se expendeu até ao fim, oferecendo a Deus, pelo bem das Igrejas que havia conduzido como Bispo, os sofrimentos que o levaram à morte.

 

Para as vítimas da guerra e os judeus confinados na Basilicata, foi pai. Era longevidente educador dos jovens. Expendeu-se para que os sacerdotes da sua Diocese, conjuntamente com religiosos e religiosas – que acolheu numerosos, se dedicassem à formação dos jovens, tanto nas escolas, quanto na Ação Católica: a todos eles recomendava brilhasse o “espírito de paternidade” para com as novas gerações.

 

O próximo passo da Causa dar-se-á na Sessão Ordinária dos Cardeais e Bispos. A seguir o Sumo Pontífice autorizará a promulgação do decreto de Venerabilidade.

Fonte: Agência iNfo Salesiana

Lido 73 vezes

Deixe um comentário