Recife, PE, foi sede do 4º Encontro Nacional que reúne representantes de diversos movimentos leigos. Entre eles, estão as novas comunidades e as associações de leigos nascidas dos carismas das congregações e ordens religiosas. O evento foi realizado entre os dias 2 e 4 de novembro,   A Comissão Episcopal Pastoral para o Laicato, em parceria com as comissões de Juventude, Ministérios Ordenados e Vida Consagrada, e o Setor Universidades da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) são os responsáveis pela ação. O Conselho Nacional do Laicato do Brasil também apoia a iniciativa.   Para o presidente do Conselho, Laudelino dos Santos, trata-se de uma oportunidade importante de troca de experiências e valorização da ação missionária dos leigos na Igreja. “A cada ano, temos percebido como este evento está crescendo, acolhendo novas formas de organização do laicato”.   Laudelino também revelou a expectativa dos organizadores do Encontro. “Criar uma maior unidade no trabalho, afinal, somos todos Igreja, como cristãos leigos, cristãos bispos, cristãos padres, cristãos consagrados”.   Este encontro está inserido nas atividades promovidas pela CNBB em torno da reflexão do cinquentenário da abertura do Concílio Vaticano II. Estão presentes mais de 100 expressões laicais, refletindo sobre temas como a atuação do laicato na sociedade e na política; a missão no contexto urbano; o Ano da fé e as novas comunidades; e a ação da juventude.   CNBB
Foi realizada em Iauaretê, AM, entre os dias 29 e 30 de outubro o retiro anual dos jovens aspirantes que estão no Centro de Formação Indígena (CFI). Este ano o pregador do retiro foi o padre João Sucarrats, que veio ao retiro para assessorar a assembleia paroquial realizada entre os dias 31 de outubro e 04 de novembro.   Durante o retiro o padre João refletiu com os aspirantes acerca da pessoa de Jesus em sua via pública e oculta, bem como recordou o exemplo de fé de alguns salesianos que passaram por estas terras tendo em vista “os Dom Boscos” de hoje.   Durante as reflexões, exercícios de escrita e experiência de deserto, os jovens retirandos foram convidados a rever sua própria história e caminhada vocacional sob uma perspectiva de futuro. Nas palavras de um dos aspirantes os dias de meditação podem ser resumidos assim: “Foram dias importantes para cada um de nós fortalecer a própria caminhada nos rumos de Dom Bosco que nos levam a Jesus”.   Inspetoria Missionária Salesiana da Amazônia
A última reunião ordinária da CNBB de 2012 com os membros do Conselho Permanente foi realizada entre os dias 29 e 31 de outubro, na sede da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em Brasília. O grupo é composto pela Presidência da CNBB,  12 bispos que estão nas presidências das Comissões Episcopais de Pastoral e pelos presidentes de cada um dos 17 Regionais da CNBB. Na pauta da reunião foram contemplados temas como a Assembleia Geral dos Bispos da CNBB de 2013, a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), entre outros. “O Conselho Permanente da CNBB é a instância, imediatamente, posterior à Assembleia dos Bispos do Brasil, então é um órgão de decisão muito importante da Igreja no Brasil”, explica subsecretário Adjunto de Pastoral, padre Francisco de Assis Wloch. O conselho  reúne-se três vezes durante o ano para, dentre outros assuntos, fazer um balanço e partilha sobre experiências da caminhada da Igreja no Brasil.   De acordo com o Estatuto da CNBB, o Conselho Permanente tem por objetivo, orientar, apoiar e acompanhar as atividades da Conferência e dos seus organismos vinculados, cuidando para que se executem efetivamente as decisões da Assembleia Geral e do próprio Conselho Permanente. Nas reuniões do conselho, costumeiramente, é realizada uma análise de conjuntura, por meio do acompanhamento das Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora (DGAE), e também por um informe econômico sobre a situação financeira da CNBB. Leia mais em CNBB
Os alunos do 7º ano do Instituto Laura Vicuña, em Porto Velho, RO, visitaram a Casa do Ancião no último dia 20 de outubro. O projeto tem o objetivo de inserir os estudantes na realidade da comunidade, levando-os a refletir sobre os problemas sociais e a importância do trabalho voluntário.   A visita foi organizada pela professora da disciplina de Língua Portuguesa, Daniela Mendonça da Silva, que destacou a importância da participação dos alunos na sociedade. “Que cada um possa cumprir seu papel de cidadão e, ao mesmo tempo, criar o estímulo do trabalho em equipe, tendo funções e tarefas específicas, que devem ser executadas com responsabilidade para que o projeto seja concluído”, destacou a professora.   Como é possível notar no depoimento da aluna Manuela Fontinelle, os alunos gostaram muito da experiência: “Gostei muito de ir à Casa do Ancião. Nós dançamos e fizemos uma quadrilha para animá-los, alguns idosos ficaram muito alegres com a nossa presença", diz. Manuela já pensa em retornar à casa: “Por mim eu iria toda a semana realizar essa visita, porque eles precisam de amor”.    A estudante Giovana Reis ficou impressionada com o trabalho dos profissionais da Casa do Ancião e muito satisfeita em ver a animação no rosto dos idosos. “Eu vi os enfermeiros tratando-os como se fossem filhos, pais e irmãos. Quando terminou a visita fui embora com um sorriso bem grande, o melhor presente não é aquele que tem o maior valor (financeiro), o melhor presente é um sorriso, algo simples, e foi o que demos a eles”, ressalta.   Equipe de Animação Missionária Juvenil promove visita em asilo e na APAE de Viamão A Equipe de Animação Missionária Juvenil (EAMJ), do Novo Lar, RS, realizou, no último dia 19 de outubro, uma segunda ação para integrar o Dia Missionário Salesiano: visitas ao asilo Lar Alice Kinsolving e a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Viamão (APAE).   Na visita ao asilo, os jovens da EAMJ convidaram a educadora do curso de cabeleireiro do Novo Lar, Neuci Gomes, e três educandos do curso, Sarah Martins, Michele Couto e Luís Carlos Fraga, para realizarem cortes de cabelos nos idosos e trabalhos de manicure e pedicure.   Durante a visita à APAE foi a vez do grupo musical da Articulação da Juventude Salesiana (AJS) formado pelos jovens João Batista Gomes, Raquel Ferreira, Luan Amador, Mateus Vicenzo, Kayelli da Silva, Eduardo Melo, Michael Goulart, animarem os alunos da instituição com músicas e brincadeiras.   RSE Informa e Inspetoria Salesiana São Pio
A Escola Dom Bosco de Artes e Ofícios - obra social salesiana, em Recife, PE - participou, no último dia 25 de outubro, do processo eleitoral da Sociedade Civil para compor o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (COMDICA), que tem entre suas principais competências elaborar as políticas de atendimento às crianças e aos adolescentes e fiscalizar as ações das políticas básicas de governo. A escola candidatou-se a um dos oito assentos e foi eleita, como uma das entidades da sociedade civil para o Biênio 2012/2014. Inspetoria Salesiana do Nordeste
Terça, 30 Outubro 2012 14:32

Concurso Jovem Inovador premia estudantes

Escrito por
O Instituto Nossa Senhora da Glória (INSG Castelo), em Macaé, RJ, anunciou o resultado do Concurso Jovem Inovador no dia 25 de outubro. Com o propósito de estimular a investigação científica na área técnica, o concurso realizado pela Educação Técnica do INSG Castelo reuniu estudantes do 6º ao 9º ano e ensino médio de escolas públicas e privadas de Macaé. Os seis melhores projetos de cunho científico e tecnológico garantiram uma vaga para a Feira Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (Fecti), que será realizada nos dias 10 e 11 de novembro, no Museu da República, na cidade do Rio de Janeiro.   Uma representante da Fecti esteve em Macaé especialmente para acompanhar o concurso. Sônia Simões revelou estar surpresa com o potencial dos jovens. “Percebemos que houve uma participação efetiva dos alunos. O nível dos trabalhos também está muito bom. Acredito que há boas chances de um desses vencer no Rio”, avaliou.   Projetos A estudante do 5º ano, Isadora de Castro, 10 anos, deu uma amostra de como o conhecimento pode transformar as pessoas. Por meio de materiais recicláveis, ela criou soluções econômicas e sustentáveis para o cotidiano. Por exemplo, ela utilizou uma lâmpada incandescente queimada e uma tampa de xarope, que iriam para o lixo, para plantar flores. Além de evitar o consumo de novos recursos, o reaproveitamento de materiais diminui a quantidade de lixo descartado e tem baixo custo. “Tento mostrar para as pessoas que quase tudo o que descartamos no lixo pode ser reaproveitado, praticamente sem custo”, esclareceu.   Entre os projetos que se destacaram na Feira de Tecnologias estão também carrinhos e guindastes produzidos com lixo eletrônico e operados remotamente, e um sistema doméstico inteligente de captação e aproveitamento da água da chuva. “O espaço foi ótimo e os expositores demonstraram conhecimento e empolgação ao falar de suas invenções. É a primeira vez que a Fecti seleciona projetos por meio do INSG Castelo, parceria que esperamos repetir nos próximos anos”, destacou Sônia Simões.   RSE Informa
Padre Tiago Figueiró, sdb, Delegado Inspetorial da Pastoral Juvenil da Inspetoria Salesiana de Campo Grande, MS, foi nomeado para o ofício de Assistente Eclesiástico da recém-criada Pastoral do Menor. No decreto de nomeação da Arquidiocese de Campo Grande, publicado no último dia 19 de outubro, o arcebispo metropolitano de Campo Grande, Dom Dimas Lara Barbosa recomenda “vivamente ao novo assistente eclesiástico que exerça o seu serviço com a disponibilidade do ‘Bom Pastor’, sempre pronto a sacrificar a vida por suas ovelhas” e acrescenta: “No exercício deste múnus pastoral, procure cumprir tudo aquilo que lhe inspirar o zelo sacerdotal, de acordo com as normas canônicas, com os documentos do Magistério da Igreja, com as orientações da CNBB e de seu Regional Oeste 1, com as normas pastorais vigentes em nossa Arquidiocese e, em particular, com nosso Regimento de Pastoral do Menor e as orientações emanadas pela Pastoral do Menor Nacional e, por meio desta, com as orientações provenientes da Comissão Episcopal Pastoral para o Serviço da Caridade, da Justiça e da Paz, da CNBB”.   Para que o Assistente Eclesiástico da Pastoral do Menor possa levar adiante mais facilmente a sua missão, o arcebispo lhe concede as seguintes faculdades: absolver da excomunhão o pecado de aborto (Cân. 1398) e dispensar de impedimentos canônicos em perigo de morte (Cân. 1079).   O decreto de nomeação entrou em vigor na data de sua promulgação, em 19 de outubro de 2012.   Missão Salesiana do Mato Grosso
O grupo de jovens da Articulação da Juventude Salesiana (AJS) do Instituto Dom Bosco, em Campos dos Goytacazes, RJ, formada por alunos e ex-alunos da escola, visitou a obra social Comunidade da Aldeia no último dia 21 de outubro. Assistida por cooperadores salesianos, a obra conta com mais de 150 internos, entre crianças, adolescentes e jovens. Foi uma manhã de integração, aprendizado e solidariedade em que os jovens puderam doar às crianças brinquedos, carinho e atenção. Houve também um momento de declamação de poemas e contação de histórias com a aluna Sandy Freitas, do 6º ano.   RSE Informa
A comitiva responsável pelas viagens internacionais do Santo Padre, o papa Bento XVI, liderada por Alberto Gasbarri, está no Brasil para debater questões referentes à organização da Jornada Mundial da Juventude - JMJRio 2013.A comitiva também é formada por Stefannia Izzo e Paolo Corvini, que se juntaram ao grupo nesta quinta-feira, dia 25 de outubro. Durante o dia, eles visitaram espaços da possível presença do Papa, no Rio de Janeiro, durante a Jornada, que será realizada entre os dias 23 a 28 de julho do próximo ano.   A Jornada é uma preparação que é feita a várias mãos. Há uma preparação nas mãos da Arquidiocese do Rio de Janeiro e  uma outra que é feita pelos governos, federal, estadual e municipal, e também pelos grupos da Santa Sé. O grupo que hoje visita o Rio de Janeiro é o grupo que cuida diretamente das viagens do Santo Padre.   “Foram apresentadas várias propostas que serão avaliadas. Não só em termos de tempo, mas também  de espaço. Ao final da visita, que se encerra no próximo sábado, um primeiro laudo será emitido, em que eles darão uma impressão do que foi a visita, do que é possível realizar e do que é impossível realizar. Depois vem um documento de Roma, com a programação definitiva, que é ligada à visita do Santo Padre”, explicou o coordenador geral da JMJ Rio 2013, monsenhor Joel Portella Amado.   Leia mais em CNBB
O evento ampliou os conhecimentos de educadores salesianos de Mato Grosso e Rondônia, motivando-os ainda mais para a missão educativa. O congresso recebeu 350 pessoas, entre elas, membros de comunidades indígenas do Mato Grosso.   A Inspetoria Nossa Senhora da Paz (Inspaz), no Mato Grosso, realizou o 3º Congresso Sistema Preventivo e Direitos Humanos nos dias 12 e 13 de outubro. O objetivo foi aprofundar os estudos do Sistema Preventivo de Dom Bosco e discutir outros temas importantes da área da educação. O congresso foi realizado em Cuiabá, MT, no Centro de Eventos Pantanal, com  profissionais da província Nossa Senhora da Paz,  educadores de todas as casas da inspetoria no Mato Grosso e em Rondônia, inclusive membros das comunidades indígenas de Bororos e Xavantes de Sangradouro e São Marcos.   Coordenado pela Ir. América Alves Pereira (FMA), o congresso apresentou seis temas ministrados por palestrantes de renome na área da educação. Foram apresentados : “A proposta salesiana e os Direitos Humanos”, pelo padre salesiano Orestes Carlinhos Fistarol, inspetor da Inspetoria Salesiana São Pio X (Porto Alegre); “Valores na educação: um toque de despertar”, por Fátima Lopes; “Práticas de sustentabilidade na educação”, por Rosinei Mesquita; “O educador líder formando os líderes do futuro”, pelo palestrante Breno Isernhagen; “Educador empreendedor, 'educando' protagonista”, por Sônia Regina Guimarães (Cuiabá), e “A didática do amor, uma proposta pedagógica para os novos tempos”, pelo convidado Erik Penna.   Conforme a coordenação do evento relata, “A participação dos Xavante foi admirável  e o clima de alegria, tranquilidade e compromisso que caracterizou o 3º Congresso de Educação da Inspaz ainda ressoa entre os muitos participantes que se manifestam por e-mail e pessoalmente”.   “Este evento marcou minha vida e carreira na Educação, pois há tempos que não participava de um evento onde todos os palestrantes conseguissem abordar assuntos pertinentes às práticas educativas, com inúmeras orientações. O lado motivacional foi também relevante para todos os congressistas”, destaca Dinarte Negrão, diretor pedagógico do Colégio Coração de Jesus de Cuiabá.   O entusiasmo também se refletiu entre os professores salesianos participantes. Um dos educadores que saíram ainda mais motivados foi Manoel João Maciel, da Escola Madre Marta Cerutti, em Barra do Garças, MT: “O 3º Congresso Sistema Preventivo e Direitos Humanos contemplou-nos com os três pilares que nutrem a vida do ser humano: razão, ciência-religião, fé-amor, entusiasmo diante da vida, pois as palestras foram formativas e motivadoras, como  luzes sobre a prática pedagógica e alento para o desafio de educar formando bons cristãos e honestos cidadãos como quiseram, querem e quererão Dom Bosco e Madre Mazzarello, nossos pais e mentores”, avalia.   RSE Informa
Página 379 de 389
Recife, PE, foi sede do 4º Encontro Nacional que reúne representantes de diversos movimentos leigos. Entre eles, estão as novas comunidades e as associações de leigos nascidas dos carismas das congregações e ordens religiosas. O evento foi realizado entre os dias 2 e 4 de novembro,   A Comissão Episcopal Pastoral para o Laicato, em parceria com as comissões de Juventude, Ministérios Ordenados e Vida Consagrada, e o Setor Universidades da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) são os responsáveis pela ação. O Conselho Nacional do Laicato do Brasil também apoia a iniciativa.   Para o presidente do Conselho, Laudelino dos Santos, trata-se de uma oportunidade importante de troca de experiências e valorização da ação missionária dos leigos na Igreja. “A cada ano, temos percebido como este evento está crescendo, acolhendo novas formas de organização do laicato”.   Laudelino também revelou a expectativa dos organizadores do Encontro. “Criar uma maior unidade no trabalho, afinal, somos todos Igreja, como cristãos leigos, cristãos bispos, cristãos padres, cristãos consagrados”.   Este encontro está inserido nas atividades promovidas pela CNBB em torno da reflexão do cinquentenário da abertura do Concílio Vaticano II. Estão presentes mais de 100 expressões laicais, refletindo sobre temas como a atuação do laicato na sociedade e na política; a missão no contexto urbano; o Ano da fé e as novas comunidades; e a ação da juventude.   CNBB
Foi realizada em Iauaretê, AM, entre os dias 29 e 30 de outubro o retiro anual dos jovens aspirantes que estão no Centro de Formação Indígena (CFI). Este ano o pregador do retiro foi o padre João Sucarrats, que veio ao retiro para assessorar a assembleia paroquial realizada entre os dias 31 de outubro e 04 de novembro.   Durante o retiro o padre João refletiu com os aspirantes acerca da pessoa de Jesus em sua via pública e oculta, bem como recordou o exemplo de fé de alguns salesianos que passaram por estas terras tendo em vista “os Dom Boscos” de hoje.   Durante as reflexões, exercícios de escrita e experiência de deserto, os jovens retirandos foram convidados a rever sua própria história e caminhada vocacional sob uma perspectiva de futuro. Nas palavras de um dos aspirantes os dias de meditação podem ser resumidos assim: “Foram dias importantes para cada um de nós fortalecer a própria caminhada nos rumos de Dom Bosco que nos levam a Jesus”.   Inspetoria Missionária Salesiana da Amazônia
A última reunião ordinária da CNBB de 2012 com os membros do Conselho Permanente foi realizada entre os dias 29 e 31 de outubro, na sede da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em Brasília. O grupo é composto pela Presidência da CNBB,  12 bispos que estão nas presidências das Comissões Episcopais de Pastoral e pelos presidentes de cada um dos 17 Regionais da CNBB. Na pauta da reunião foram contemplados temas como a Assembleia Geral dos Bispos da CNBB de 2013, a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), entre outros. “O Conselho Permanente da CNBB é a instância, imediatamente, posterior à Assembleia dos Bispos do Brasil, então é um órgão de decisão muito importante da Igreja no Brasil”, explica subsecretário Adjunto de Pastoral, padre Francisco de Assis Wloch. O conselho  reúne-se três vezes durante o ano para, dentre outros assuntos, fazer um balanço e partilha sobre experiências da caminhada da Igreja no Brasil.   De acordo com o Estatuto da CNBB, o Conselho Permanente tem por objetivo, orientar, apoiar e acompanhar as atividades da Conferência e dos seus organismos vinculados, cuidando para que se executem efetivamente as decisões da Assembleia Geral e do próprio Conselho Permanente. Nas reuniões do conselho, costumeiramente, é realizada uma análise de conjuntura, por meio do acompanhamento das Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora (DGAE), e também por um informe econômico sobre a situação financeira da CNBB. Leia mais em CNBB
Os alunos do 7º ano do Instituto Laura Vicuña, em Porto Velho, RO, visitaram a Casa do Ancião no último dia 20 de outubro. O projeto tem o objetivo de inserir os estudantes na realidade da comunidade, levando-os a refletir sobre os problemas sociais e a importância do trabalho voluntário.   A visita foi organizada pela professora da disciplina de Língua Portuguesa, Daniela Mendonça da Silva, que destacou a importância da participação dos alunos na sociedade. “Que cada um possa cumprir seu papel de cidadão e, ao mesmo tempo, criar o estímulo do trabalho em equipe, tendo funções e tarefas específicas, que devem ser executadas com responsabilidade para que o projeto seja concluído”, destacou a professora.   Como é possível notar no depoimento da aluna Manuela Fontinelle, os alunos gostaram muito da experiência: “Gostei muito de ir à Casa do Ancião. Nós dançamos e fizemos uma quadrilha para animá-los, alguns idosos ficaram muito alegres com a nossa presença", diz. Manuela já pensa em retornar à casa: “Por mim eu iria toda a semana realizar essa visita, porque eles precisam de amor”.    A estudante Giovana Reis ficou impressionada com o trabalho dos profissionais da Casa do Ancião e muito satisfeita em ver a animação no rosto dos idosos. “Eu vi os enfermeiros tratando-os como se fossem filhos, pais e irmãos. Quando terminou a visita fui embora com um sorriso bem grande, o melhor presente não é aquele que tem o maior valor (financeiro), o melhor presente é um sorriso, algo simples, e foi o que demos a eles”, ressalta.   Equipe de Animação Missionária Juvenil promove visita em asilo e na APAE de Viamão A Equipe de Animação Missionária Juvenil (EAMJ), do Novo Lar, RS, realizou, no último dia 19 de outubro, uma segunda ação para integrar o Dia Missionário Salesiano: visitas ao asilo Lar Alice Kinsolving e a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Viamão (APAE).   Na visita ao asilo, os jovens da EAMJ convidaram a educadora do curso de cabeleireiro do Novo Lar, Neuci Gomes, e três educandos do curso, Sarah Martins, Michele Couto e Luís Carlos Fraga, para realizarem cortes de cabelos nos idosos e trabalhos de manicure e pedicure.   Durante a visita à APAE foi a vez do grupo musical da Articulação da Juventude Salesiana (AJS) formado pelos jovens João Batista Gomes, Raquel Ferreira, Luan Amador, Mateus Vicenzo, Kayelli da Silva, Eduardo Melo, Michael Goulart, animarem os alunos da instituição com músicas e brincadeiras.   RSE Informa e Inspetoria Salesiana São Pio
A Escola Dom Bosco de Artes e Ofícios - obra social salesiana, em Recife, PE - participou, no último dia 25 de outubro, do processo eleitoral da Sociedade Civil para compor o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (COMDICA), que tem entre suas principais competências elaborar as políticas de atendimento às crianças e aos adolescentes e fiscalizar as ações das políticas básicas de governo. A escola candidatou-se a um dos oito assentos e foi eleita, como uma das entidades da sociedade civil para o Biênio 2012/2014. Inspetoria Salesiana do Nordeste
Terça, 30 Outubro 2012 14:32

Concurso Jovem Inovador premia estudantes

Escrito por
O Instituto Nossa Senhora da Glória (INSG Castelo), em Macaé, RJ, anunciou o resultado do Concurso Jovem Inovador no dia 25 de outubro. Com o propósito de estimular a investigação científica na área técnica, o concurso realizado pela Educação Técnica do INSG Castelo reuniu estudantes do 6º ao 9º ano e ensino médio de escolas públicas e privadas de Macaé. Os seis melhores projetos de cunho científico e tecnológico garantiram uma vaga para a Feira Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (Fecti), que será realizada nos dias 10 e 11 de novembro, no Museu da República, na cidade do Rio de Janeiro.   Uma representante da Fecti esteve em Macaé especialmente para acompanhar o concurso. Sônia Simões revelou estar surpresa com o potencial dos jovens. “Percebemos que houve uma participação efetiva dos alunos. O nível dos trabalhos também está muito bom. Acredito que há boas chances de um desses vencer no Rio”, avaliou.   Projetos A estudante do 5º ano, Isadora de Castro, 10 anos, deu uma amostra de como o conhecimento pode transformar as pessoas. Por meio de materiais recicláveis, ela criou soluções econômicas e sustentáveis para o cotidiano. Por exemplo, ela utilizou uma lâmpada incandescente queimada e uma tampa de xarope, que iriam para o lixo, para plantar flores. Além de evitar o consumo de novos recursos, o reaproveitamento de materiais diminui a quantidade de lixo descartado e tem baixo custo. “Tento mostrar para as pessoas que quase tudo o que descartamos no lixo pode ser reaproveitado, praticamente sem custo”, esclareceu.   Entre os projetos que se destacaram na Feira de Tecnologias estão também carrinhos e guindastes produzidos com lixo eletrônico e operados remotamente, e um sistema doméstico inteligente de captação e aproveitamento da água da chuva. “O espaço foi ótimo e os expositores demonstraram conhecimento e empolgação ao falar de suas invenções. É a primeira vez que a Fecti seleciona projetos por meio do INSG Castelo, parceria que esperamos repetir nos próximos anos”, destacou Sônia Simões.   RSE Informa
Padre Tiago Figueiró, sdb, Delegado Inspetorial da Pastoral Juvenil da Inspetoria Salesiana de Campo Grande, MS, foi nomeado para o ofício de Assistente Eclesiástico da recém-criada Pastoral do Menor. No decreto de nomeação da Arquidiocese de Campo Grande, publicado no último dia 19 de outubro, o arcebispo metropolitano de Campo Grande, Dom Dimas Lara Barbosa recomenda “vivamente ao novo assistente eclesiástico que exerça o seu serviço com a disponibilidade do ‘Bom Pastor’, sempre pronto a sacrificar a vida por suas ovelhas” e acrescenta: “No exercício deste múnus pastoral, procure cumprir tudo aquilo que lhe inspirar o zelo sacerdotal, de acordo com as normas canônicas, com os documentos do Magistério da Igreja, com as orientações da CNBB e de seu Regional Oeste 1, com as normas pastorais vigentes em nossa Arquidiocese e, em particular, com nosso Regimento de Pastoral do Menor e as orientações emanadas pela Pastoral do Menor Nacional e, por meio desta, com as orientações provenientes da Comissão Episcopal Pastoral para o Serviço da Caridade, da Justiça e da Paz, da CNBB”.   Para que o Assistente Eclesiástico da Pastoral do Menor possa levar adiante mais facilmente a sua missão, o arcebispo lhe concede as seguintes faculdades: absolver da excomunhão o pecado de aborto (Cân. 1398) e dispensar de impedimentos canônicos em perigo de morte (Cân. 1079).   O decreto de nomeação entrou em vigor na data de sua promulgação, em 19 de outubro de 2012.   Missão Salesiana do Mato Grosso
O grupo de jovens da Articulação da Juventude Salesiana (AJS) do Instituto Dom Bosco, em Campos dos Goytacazes, RJ, formada por alunos e ex-alunos da escola, visitou a obra social Comunidade da Aldeia no último dia 21 de outubro. Assistida por cooperadores salesianos, a obra conta com mais de 150 internos, entre crianças, adolescentes e jovens. Foi uma manhã de integração, aprendizado e solidariedade em que os jovens puderam doar às crianças brinquedos, carinho e atenção. Houve também um momento de declamação de poemas e contação de histórias com a aluna Sandy Freitas, do 6º ano.   RSE Informa
A comitiva responsável pelas viagens internacionais do Santo Padre, o papa Bento XVI, liderada por Alberto Gasbarri, está no Brasil para debater questões referentes à organização da Jornada Mundial da Juventude - JMJRio 2013.A comitiva também é formada por Stefannia Izzo e Paolo Corvini, que se juntaram ao grupo nesta quinta-feira, dia 25 de outubro. Durante o dia, eles visitaram espaços da possível presença do Papa, no Rio de Janeiro, durante a Jornada, que será realizada entre os dias 23 a 28 de julho do próximo ano.   A Jornada é uma preparação que é feita a várias mãos. Há uma preparação nas mãos da Arquidiocese do Rio de Janeiro e  uma outra que é feita pelos governos, federal, estadual e municipal, e também pelos grupos da Santa Sé. O grupo que hoje visita o Rio de Janeiro é o grupo que cuida diretamente das viagens do Santo Padre.   “Foram apresentadas várias propostas que serão avaliadas. Não só em termos de tempo, mas também  de espaço. Ao final da visita, que se encerra no próximo sábado, um primeiro laudo será emitido, em que eles darão uma impressão do que foi a visita, do que é possível realizar e do que é impossível realizar. Depois vem um documento de Roma, com a programação definitiva, que é ligada à visita do Santo Padre”, explicou o coordenador geral da JMJ Rio 2013, monsenhor Joel Portella Amado.   Leia mais em CNBB
O evento ampliou os conhecimentos de educadores salesianos de Mato Grosso e Rondônia, motivando-os ainda mais para a missão educativa. O congresso recebeu 350 pessoas, entre elas, membros de comunidades indígenas do Mato Grosso.   A Inspetoria Nossa Senhora da Paz (Inspaz), no Mato Grosso, realizou o 3º Congresso Sistema Preventivo e Direitos Humanos nos dias 12 e 13 de outubro. O objetivo foi aprofundar os estudos do Sistema Preventivo de Dom Bosco e discutir outros temas importantes da área da educação. O congresso foi realizado em Cuiabá, MT, no Centro de Eventos Pantanal, com  profissionais da província Nossa Senhora da Paz,  educadores de todas as casas da inspetoria no Mato Grosso e em Rondônia, inclusive membros das comunidades indígenas de Bororos e Xavantes de Sangradouro e São Marcos.   Coordenado pela Ir. América Alves Pereira (FMA), o congresso apresentou seis temas ministrados por palestrantes de renome na área da educação. Foram apresentados : “A proposta salesiana e os Direitos Humanos”, pelo padre salesiano Orestes Carlinhos Fistarol, inspetor da Inspetoria Salesiana São Pio X (Porto Alegre); “Valores na educação: um toque de despertar”, por Fátima Lopes; “Práticas de sustentabilidade na educação”, por Rosinei Mesquita; “O educador líder formando os líderes do futuro”, pelo palestrante Breno Isernhagen; “Educador empreendedor, 'educando' protagonista”, por Sônia Regina Guimarães (Cuiabá), e “A didática do amor, uma proposta pedagógica para os novos tempos”, pelo convidado Erik Penna.   Conforme a coordenação do evento relata, “A participação dos Xavante foi admirável  e o clima de alegria, tranquilidade e compromisso que caracterizou o 3º Congresso de Educação da Inspaz ainda ressoa entre os muitos participantes que se manifestam por e-mail e pessoalmente”.   “Este evento marcou minha vida e carreira na Educação, pois há tempos que não participava de um evento onde todos os palestrantes conseguissem abordar assuntos pertinentes às práticas educativas, com inúmeras orientações. O lado motivacional foi também relevante para todos os congressistas”, destaca Dinarte Negrão, diretor pedagógico do Colégio Coração de Jesus de Cuiabá.   O entusiasmo também se refletiu entre os professores salesianos participantes. Um dos educadores que saíram ainda mais motivados foi Manoel João Maciel, da Escola Madre Marta Cerutti, em Barra do Garças, MT: “O 3º Congresso Sistema Preventivo e Direitos Humanos contemplou-nos com os três pilares que nutrem a vida do ser humano: razão, ciência-religião, fé-amor, entusiasmo diante da vida, pois as palestras foram formativas e motivadoras, como  luzes sobre a prática pedagógica e alento para o desafio de educar formando bons cristãos e honestos cidadãos como quiseram, querem e quererão Dom Bosco e Madre Mazzarello, nossos pais e mentores”, avalia.   RSE Informa
Página 379 de 389