“Como Dom Bosco educador, ofereçamos aos jovens o Evangelho da alegria mediante a pedagogia da bondade” (Estreia 2013).   A Estreia, no contexto salesiano, tem uma importância solene. Criada por Dom Bosco, trata-se de um documento no qual são traçadas as diretrizes que pautarão as ações da Família Salesiana no ano que se inicia. A Estreia é apresentada no último dia do ano pelo Reitor-mor e endereçada a cada salesiano e salesiana, leigo, educador e aluno das escolas, obras sociais e instituições que seguem os passos de Dom Bosco, no Brasil e no mundo.  
Published in Salesianidade
Mais de 300 mil mortos e milhares de feridos: este foi o balanço do terremoto que devastou o Haiti em 12 de janeiro de 2010. Entre as vítimas, estava a Dra. Zilda Arns, fundadora da Pastoral da Criança. Ela morreu enquanto fazia o que mais amava, ou seja, compartilhar conhecimentos para defender a vida. Em seu trabalho, sempre aliou a ciência à cultura popular; valorizou o papel da mulher pobre na transformação social; mobilizou a todos, pobres e ricos, analfabetos e doutores, na busca da vida plena para todos. Dizia Dra. Zilda: “Quando vejo, depois de anos de intenso trabalho, como a Pastoral da Criança se expandiu, como formou uma rede de solidariedade, como formou uma verdadeira família, acredito sempre mais no amor de Deus por nós, em sua sabedoria e graça ao conduzir tão bem a Pastoral da Criança!”.   Conferência Nacional dos Religiosos do Brasil
Published in Internacionais
Faleceu nesta quinta-feira, 10 de janeiro, aos 79 anos o padre salesiano Jorge Parovel. Vítima de um tumor, padre Jorge estava internado há alguns dias no hospital do Pênfigo, em Campo Grande, MS. O enterro foi realizado  no Cemitério Santo Antônio em Campo Grande.   Nascido em 18 de agosto de 1933 na cidade de Capodistria, Italia, padre Jorge veio como missionário para o Mato Grosso em 1949 com apenas 16 anos. Aqui fez seu noviciado e toda formação salesiana. Sua primeira profissão religiosa ocorreu no dia 31 de janeiro de 1951 e sua ordenação sacerdotal foi realizada em 8 de dezembro de 1960.   Trabalhou em várias casas da Missão Salesiana de Mato Grosso (MSMT). Foi diretor, ecônomo, conselheiro de estudos, coordenador da pastoral, pároco, capelão das Filhas de Maria Auxiliadora (FMA), confessor e diretor espiritual. Sempre dedicado e empenhado nos serviços a ele confiados. Atualmente estava ligado à comunidade salesiana do Colégio Salesiano Dom Bosco e Paróquia São João Bosco.   Nesses últimos anos, já com a saúde debilitada, dedicou seu tempo livre na organização e tradução das cartas mortuárias dos irmãos salesianos da MSMT, trabalho que vinha realizando com competência a responsabilidade, mas que a morte o impediu de completar.   Missão Salesiana do Mato Grosso
Published in Nacionais
Os alunos da Articulação da Juventude Salesiana do Colégio São Paulo, em Ascurra, SC, levaram o entusiasmo salesiano para a creche Onorata Zonta Dalfovo, no dia 12 de setembro. Promovendo atividades de música, narração de histórias e dinâmicas, os estudantes da Rede Salesiana de Escolas (RSE) fizeram a alegria dos pequenos.  Segundo as alunas Kaline e Gabriela, do 8º ano, foi possível perceber a importância do trabalho voluntário “só de verem os olhares cheios de felicidade”. Os estudantes se apresentaram para as crianças com fantasias diversas como as de personagens do "Sítio do Pica-pau Amarelo", "Branca de Neve", "Os três porquinhos", além dos figurinos de palhaço, que também fizeram muito sucesso.     RSE Informa
Published in Nacionais
Comunicadores salesianos, religiosos e leigos, das inspetorias dos Salesianos de Dom Bosco, das Filhas de Maria Auxiliadora e Salesianos Cooperadores de todo o país estiveram reunidos nos dias 27 e 28 de abril no Centro de Convenções Israel Pinheiro, em Brasília - DF, para o Seminário 110 anos do Boletim Salesiano no Brasil.   Mais do que a comemoração pelos 110 anos de existência do veículo de comunicação criado por Dom Bosco, o seminário propiciou momentos importantes de troca de experiências, além de um melhor conhecimento do Sistema Salesiano de Comunicação Social e do lançamento do novo projeto para o Boletim Salesiano, que em breve poderá ter seu conteúdo acessado em multiplataformas. De acordo com o P. Nivaldo Luiz Pessinati, diretor do Boletim Salesiano Brasil, o seminário teve como marco inicial importante a reunião entre religiosos e leigos que cumprem, com a comunicação, um caráter estratégico para a Família Salesiana: “A função que vocês e que nós exercemos é altamente estratégica, porque é ela que permite revitalizar e viabilizar o carisma em cada inspetoria por meio da comunicação”, afirmou.  Dentro das atividades propostas, os participantes assistiram à palestra “Caminhar com os tempos – Compreender, dialogar e educar os jovens na era da Internet e das redes sociais”, ministrada pelo P. Gildásio Mendes, membro do Conselho Editorial do Boletim Salesiano e da Missão Salesiana do Mato Grosso. A partir da palestra, foi possível uma reflexão acerca da ligação entre comunicação e cultura, características das gerações Y e Z e os desafios para dialogar com os públicos, especialmente os jovens, face às novas necessidades, linguagens e tecnologias. As diretrizes de Comunicação dos salesianos e salesianas foram trabalhadas na palestra ministrada pelos referentes de Comunicação no Brasil, irmão Cledson Marta Rodrigues, dos Salesianos de Dom Bosco, e irmã Maria do Socorro Tabosa, das Filhas de Maria Auxiliadora. Por meio de apresentações e dinâmicas, os presentes interagiram e conheceram um pouco mais sobre o Sistema Salesiano de Comunicação Social e sobre o trabalho de Educomunicação desenvolvido pela FMA. O segundo dia do seminário foi destinado a partilhas e encaminhamento de propostas de ordem técnica. Como partilha, foram citadas a logística de distribuição do Boletim Salesiano pelo país, a pluralidade de seus leitores e uma reflexão sobre a linguagem utilizada, visando uma aproximação maior tanto dos que utilizam o BS como ferramenta pedagógica, quanto para os próprios jovens como leitores finais. Novas plataformas e novas perspectivas As partilhas abriram espaço para o assunto que chamou mais a atenção dos presentes: a entrada definitiva do Boletim Salesiano Brasil para o universo digital. Sérgio Salme e Felipe Moura, responsáveis pelo desenvolvimento das novas plataformas digitais para o BS, apresentaram as três principais novidades para o Boletim: o aplicativo de leitura do BS em tablets, que já tem uma versão beta disponível para iPad, acessível na loja virtual Apple Store; o aplicativo móbile, específico para o acesso do Boletim Salesiano por meio de aparelhos celulares; e um portal de conteúdo ampliado, com uma vasta gama de informações interativas, como vídeos, enquetes, fóruns, colunas, notícias, fotos, entre outras. As novas plataformas estão em fase de testes e deverão estar totalmente disponíveis a partir de 2013. Elas não extinguirão a versão impressa do Boletim Salesiano, que continuará sendo desenvolvida e ganhará seis edições extras, que poderão ser acessadas on line.   
Published in Nacionais
Responder às necessidades dos “jovens pobres e abandonados” em tensão salvífica GLOBAL, com descortino e visão aberta para todo o universo juvenil
Published in Reitor-mor
O jornal El Comercio, do Peru, em artigo publicado dia 16 de janeiro, focalizou o empenho do padre salesiano Luigi Bolla Sartori, que há 28 anos trabalha como missionário nas comunidades da população indígena ashuar. Retomando a história de padre Bolla, El Comercio inicia pela sua chegada ao Equador, como missionário proveniente da Itália. No Equador,o missionário aprendeu a língua ashuar e, a partir de 1954, dedicou-se a ensiná-la. “Pedi aos meus superiores, em 1971, que me deixassem viver como eles. Não segundo o estilo de um missionário tradicional, mas segundo o estilo dos indígenas. Comecei a viver em suas casas, a vestir-me como eles, a comer como eles”, relembra padre Bolla. O missionário passou depois ao Peru, em 1984, para servir às comunidades ashuar de Loreto e das outras tribos: Huambisa, Candoshi e Quíchua. Afirma que a sua missão é a de comunicar a mensagem evangélica e que isto implica remediar também a todas as necessidades do ser humano.
Published in Internacionais
Em seus primeiros anos de sacerdócio, o padre salesiano Raimundo Ricardo Sobrinho conviveu com dom Antonio de Almeida Lustosa em Carpina, PE. "Convivi com dom Antonio de Almeida Lustosa, em Carpina, PE, nos anos primeiros do meu sacerdócio. Venho trazendo dele, pela vida afora, a recordação de muitas e preciosas lições. Acreditando que seus exemplos de vida possam edificar muitos leitores do nosso Boletim Salesiano, resolvi escrever algo daquilo que vi e ouvi desse homem de Deus nos inícios do meu sacerdócio."  
Published in Igreja
O voluntariado social é incentivado nas unidades da Rede Salesiana de Escolas como uma prática que traz benefícios tanto para a formação humana e cidadã dos alunos, como para as entidades que recebem o auxílio dos voluntários.  
Published in Juventude
Page 4 of 4
  “Como Dom Bosco educador, ofereçamos aos jovens o Evangelho da alegria mediante a pedagogia da bondade” (Estreia 2013).   A Estreia, no contexto salesiano, tem uma importância solene. Criada por Dom Bosco, trata-se de um documento no qual são traçadas as diretrizes que pautarão as ações da Família Salesiana no ano que se inicia. A Estreia é apresentada no último dia do ano pelo Reitor-mor e endereçada a cada salesiano e salesiana, leigo, educador e aluno das escolas, obras sociais e instituições que seguem os passos de Dom Bosco, no Brasil e no mundo.  
Published in Salesianidade
Mais de 300 mil mortos e milhares de feridos: este foi o balanço do terremoto que devastou o Haiti em 12 de janeiro de 2010. Entre as vítimas, estava a Dra. Zilda Arns, fundadora da Pastoral da Criança. Ela morreu enquanto fazia o que mais amava, ou seja, compartilhar conhecimentos para defender a vida. Em seu trabalho, sempre aliou a ciência à cultura popular; valorizou o papel da mulher pobre na transformação social; mobilizou a todos, pobres e ricos, analfabetos e doutores, na busca da vida plena para todos. Dizia Dra. Zilda: “Quando vejo, depois de anos de intenso trabalho, como a Pastoral da Criança se expandiu, como formou uma rede de solidariedade, como formou uma verdadeira família, acredito sempre mais no amor de Deus por nós, em sua sabedoria e graça ao conduzir tão bem a Pastoral da Criança!”.   Conferência Nacional dos Religiosos do Brasil
Published in Internacionais
Faleceu nesta quinta-feira, 10 de janeiro, aos 79 anos o padre salesiano Jorge Parovel. Vítima de um tumor, padre Jorge estava internado há alguns dias no hospital do Pênfigo, em Campo Grande, MS. O enterro foi realizado  no Cemitério Santo Antônio em Campo Grande.   Nascido em 18 de agosto de 1933 na cidade de Capodistria, Italia, padre Jorge veio como missionário para o Mato Grosso em 1949 com apenas 16 anos. Aqui fez seu noviciado e toda formação salesiana. Sua primeira profissão religiosa ocorreu no dia 31 de janeiro de 1951 e sua ordenação sacerdotal foi realizada em 8 de dezembro de 1960.   Trabalhou em várias casas da Missão Salesiana de Mato Grosso (MSMT). Foi diretor, ecônomo, conselheiro de estudos, coordenador da pastoral, pároco, capelão das Filhas de Maria Auxiliadora (FMA), confessor e diretor espiritual. Sempre dedicado e empenhado nos serviços a ele confiados. Atualmente estava ligado à comunidade salesiana do Colégio Salesiano Dom Bosco e Paróquia São João Bosco.   Nesses últimos anos, já com a saúde debilitada, dedicou seu tempo livre na organização e tradução das cartas mortuárias dos irmãos salesianos da MSMT, trabalho que vinha realizando com competência a responsabilidade, mas que a morte o impediu de completar.   Missão Salesiana do Mato Grosso
Published in Nacionais
Os alunos da Articulação da Juventude Salesiana do Colégio São Paulo, em Ascurra, SC, levaram o entusiasmo salesiano para a creche Onorata Zonta Dalfovo, no dia 12 de setembro. Promovendo atividades de música, narração de histórias e dinâmicas, os estudantes da Rede Salesiana de Escolas (RSE) fizeram a alegria dos pequenos.  Segundo as alunas Kaline e Gabriela, do 8º ano, foi possível perceber a importância do trabalho voluntário “só de verem os olhares cheios de felicidade”. Os estudantes se apresentaram para as crianças com fantasias diversas como as de personagens do "Sítio do Pica-pau Amarelo", "Branca de Neve", "Os três porquinhos", além dos figurinos de palhaço, que também fizeram muito sucesso.     RSE Informa
Published in Nacionais
Comunicadores salesianos, religiosos e leigos, das inspetorias dos Salesianos de Dom Bosco, das Filhas de Maria Auxiliadora e Salesianos Cooperadores de todo o país estiveram reunidos nos dias 27 e 28 de abril no Centro de Convenções Israel Pinheiro, em Brasília - DF, para o Seminário 110 anos do Boletim Salesiano no Brasil.   Mais do que a comemoração pelos 110 anos de existência do veículo de comunicação criado por Dom Bosco, o seminário propiciou momentos importantes de troca de experiências, além de um melhor conhecimento do Sistema Salesiano de Comunicação Social e do lançamento do novo projeto para o Boletim Salesiano, que em breve poderá ter seu conteúdo acessado em multiplataformas. De acordo com o P. Nivaldo Luiz Pessinati, diretor do Boletim Salesiano Brasil, o seminário teve como marco inicial importante a reunião entre religiosos e leigos que cumprem, com a comunicação, um caráter estratégico para a Família Salesiana: “A função que vocês e que nós exercemos é altamente estratégica, porque é ela que permite revitalizar e viabilizar o carisma em cada inspetoria por meio da comunicação”, afirmou.  Dentro das atividades propostas, os participantes assistiram à palestra “Caminhar com os tempos – Compreender, dialogar e educar os jovens na era da Internet e das redes sociais”, ministrada pelo P. Gildásio Mendes, membro do Conselho Editorial do Boletim Salesiano e da Missão Salesiana do Mato Grosso. A partir da palestra, foi possível uma reflexão acerca da ligação entre comunicação e cultura, características das gerações Y e Z e os desafios para dialogar com os públicos, especialmente os jovens, face às novas necessidades, linguagens e tecnologias. As diretrizes de Comunicação dos salesianos e salesianas foram trabalhadas na palestra ministrada pelos referentes de Comunicação no Brasil, irmão Cledson Marta Rodrigues, dos Salesianos de Dom Bosco, e irmã Maria do Socorro Tabosa, das Filhas de Maria Auxiliadora. Por meio de apresentações e dinâmicas, os presentes interagiram e conheceram um pouco mais sobre o Sistema Salesiano de Comunicação Social e sobre o trabalho de Educomunicação desenvolvido pela FMA. O segundo dia do seminário foi destinado a partilhas e encaminhamento de propostas de ordem técnica. Como partilha, foram citadas a logística de distribuição do Boletim Salesiano pelo país, a pluralidade de seus leitores e uma reflexão sobre a linguagem utilizada, visando uma aproximação maior tanto dos que utilizam o BS como ferramenta pedagógica, quanto para os próprios jovens como leitores finais. Novas plataformas e novas perspectivas As partilhas abriram espaço para o assunto que chamou mais a atenção dos presentes: a entrada definitiva do Boletim Salesiano Brasil para o universo digital. Sérgio Salme e Felipe Moura, responsáveis pelo desenvolvimento das novas plataformas digitais para o BS, apresentaram as três principais novidades para o Boletim: o aplicativo de leitura do BS em tablets, que já tem uma versão beta disponível para iPad, acessível na loja virtual Apple Store; o aplicativo móbile, específico para o acesso do Boletim Salesiano por meio de aparelhos celulares; e um portal de conteúdo ampliado, com uma vasta gama de informações interativas, como vídeos, enquetes, fóruns, colunas, notícias, fotos, entre outras. As novas plataformas estão em fase de testes e deverão estar totalmente disponíveis a partir de 2013. Elas não extinguirão a versão impressa do Boletim Salesiano, que continuará sendo desenvolvida e ganhará seis edições extras, que poderão ser acessadas on line.   
Published in Nacionais
Responder às necessidades dos “jovens pobres e abandonados” em tensão salvífica GLOBAL, com descortino e visão aberta para todo o universo juvenil
Published in Reitor-mor
O jornal El Comercio, do Peru, em artigo publicado dia 16 de janeiro, focalizou o empenho do padre salesiano Luigi Bolla Sartori, que há 28 anos trabalha como missionário nas comunidades da população indígena ashuar. Retomando a história de padre Bolla, El Comercio inicia pela sua chegada ao Equador, como missionário proveniente da Itália. No Equador,o missionário aprendeu a língua ashuar e, a partir de 1954, dedicou-se a ensiná-la. “Pedi aos meus superiores, em 1971, que me deixassem viver como eles. Não segundo o estilo de um missionário tradicional, mas segundo o estilo dos indígenas. Comecei a viver em suas casas, a vestir-me como eles, a comer como eles”, relembra padre Bolla. O missionário passou depois ao Peru, em 1984, para servir às comunidades ashuar de Loreto e das outras tribos: Huambisa, Candoshi e Quíchua. Afirma que a sua missão é a de comunicar a mensagem evangélica e que isto implica remediar também a todas as necessidades do ser humano.
Published in Internacionais
Em seus primeiros anos de sacerdócio, o padre salesiano Raimundo Ricardo Sobrinho conviveu com dom Antonio de Almeida Lustosa em Carpina, PE. "Convivi com dom Antonio de Almeida Lustosa, em Carpina, PE, nos anos primeiros do meu sacerdócio. Venho trazendo dele, pela vida afora, a recordação de muitas e preciosas lições. Acreditando que seus exemplos de vida possam edificar muitos leitores do nosso Boletim Salesiano, resolvi escrever algo daquilo que vi e ouvi desse homem de Deus nos inícios do meu sacerdócio."  
Published in Igreja
O voluntariado social é incentivado nas unidades da Rede Salesiana de Escolas como uma prática que traz benefícios tanto para a formação humana e cidadã dos alunos, como para as entidades que recebem o auxílio dos voluntários.  
Published in Juventude
Page 4 of 4