A Via-Sacra da Jornada Mundial da Juventude Rio2013, em Copacabana, que será realizada no dia 26 de julho, promete ser um momento de fé, amor e compaixão pelos jovens, com uma linguagem contemporânea que dialoga com questões do mundo atual da juventude. Com 14 estações que mostrarão o sofrimento de Jesus e “as dores” presentes na sociedade de hoje, a representação do percurso feito por Cristo antes de ser crucificado terá a presença do Papa Francisco.   Passado e presente do Cristianismo vão se misturar na Avenida Atlântica. Ocupando aproximadamente 800 metros do canteiro central da via, as estações da Via Sacra de Jerusalém, também conhecida como Via Dolorosa ou Via Crucis, vão ter referência a 14 temas diferentes: “jovem missionário”, “jovem convertido”, “jovem de comunidade de recuperação”, “jovem falando em nome das mães”, “seminarista”, “religiosa que luta pela vida (contra o aborto)”, “casal de namorados”, “jovem falando pelas mulheres que sofrem”, “estudante cadeirante”, “jovem das redes sociais”, “presidiário ou jovem da pastoral penal”, “jovem com doença terminal”, “jovem deficiente auditivo” e “jovens da África, América do Norte, da América Latina e do Caribe, da Europa, da Ásia e da Oceania”.   Todos esses temas serão representados em um cenário que vai remontar à cidade antiga de Jerusalém, comum percurso usado nas procissões do século XVI. Segundo o diretor artístico da JMJ, Ulysses Cruz, este foi o cenário escolhido porque possui marcos históricos que fazem parte da tradição católica. “A Via Sacra data dessa época. Durante os séculos, ela foi sofrendo modificações, mas sua essência é a que conhecemos hoje. As infinitas variações são interpretações artísticas criadas pelo mundo, mas o que existe de mais próximo da verdade é essa”, afirmou.   O diretor artístico também contou que o Papa Francisco presidirá a Via Sacra do palco principal. Além da encenação dos momentos do sofrimento de Jesus nas 13 estações (a 14ª estação será no palco principal), também haverá uma representação de tudo o que está acontecendo no palco principal, perto do Papa Francisco. “Ela será criada para que o Santo Padre participe de modo real de tudo o que está acontecendo em cada uma das estações”, destacou Ulysses, que também disse que haverá um telão no palco principal. O palco, que terá capacidade para 1500 convidados sentados, estará localizado na altura da Praça do Lido. Cerca de 20 cadeirantes estarão no palco representando os portadores de deficiência.   Com um diálogo com a linguagem das artes de várias épocas, principalmente a arte contemporânea, a Via Sacra da JMJ Rio2013 pretende ser a “Via Sacra do Jovem Solidário”. “Será completamente diferente da Via Sacra da JMJ de Madri. Em cada estação haverá uma surpresa para que tudo fique ainda mais emocionante e faça o público refletir sobre o seu significado. Desde seu conceito - refletir sobre o sofrimento de Jesus na Cruz e o sofrimento do jovem hoje - até os recursos cênicos evocados, passando pela sua trilha sonora - orquestra sinfônica, DJ e guitarras elétricas - tudo é novo nessa Via Sacra”, destacou.   Um ponto a ser destacado é que haverá transmissão ao vivo pela televisão e pelos telões espalhados pela cidade, que vão retransmitir as imagens da TV. Os organizadores ressaltam que a presença no evento é “forte e emocionante” porque é ao vivo, mas pela televisão haverá uma “visão ampla e comentada”.   Jovens que vão fazer a encenação já estão sendo escolhidos   As cenas da Via Crucis serão representadas por atores voluntários e personalidades católicas. As audições para a escolha dos voluntários já estão em fase final de seleção. Serão selecionados cerca de 500 voluntários. O local previsto para os ensaios será o Colégio Santo Inácio. Segundo Ulysses, os nomes das personalidades ainda não foram divulgados porque não houve o convite da organização. Os palcos da Via Sacra serão construídos em formato de grandes escadarias e as encenações acontecerão nos degraus e nas plataformas deles. O ensaio geral deve realizar-se na madrugada do dia 26 de julho, na Avenida Atlântica, já com o cenário pronto.   JMJ Rio2013   Leia Também: Catequeses: o coração da Jornada
Published in Nacionais
A presença salesiana em Lorena, no estado de São Paulo, vem ampliando as suas atividades de serviço à juventude com a reativação do Oratório Dom Bosco da Vila Brito e com o início das atividades na Paróquia Nossa Senhora das Graças, na Vila Nunes, ambos ocorridos no dia 31 de março, domingo de Páscoa.   O Oratório Dom Bosco passa a funcionar aos sábados e domingos das 14h às 17h, com atividades lúdicas e esportivas para crianças e adolescentes, que serão acompanhadas pela irmã Ana Maria, Filha de Maria Auxiliadora (FMA), e pelos pós-noviços Antônio Rocha e Fabiano Oliveira. A reinauguração do Oratório foi realizada com uma missa de Páscoa às 9h, celebrada pelo pároco, padre Jefferson Silva.   Após a missa no Oratório Dom Bosco, padre Jefferson celebrou a Páscoa na Igreja Nossa Senhora das Graças, onde os pós-noviços realizaram um campeonato de ping-pong, dando início às atividades recreativas que serão oferecidas para crianças e adolescentes aos domingos, das 8h às 10h, antes da missa da catequese. O objetivo das atividades, além de criar um novo espaço de cultura e lazer, é formar um grupo da Articulação da Juventude Salesiana (AJS) na paróquia, composto por adolescentes e jovens.   O Oratório Dom Bosco fica localizado na Rua Cap. Alcyr Fillizzola, 346, na Vila Brito,  e a Paróquia Nossa Senhora das Graças fica na Avenida Targino Villela Nunes, 105, na Vila Nunes, telefone: (12) 3153-5042.   Inspetoria Salesiana de São Paulo
Published in Nacionais
Representantes da ONG alemã, Dom Bosco Missão, com sede em Bonn, na Alemanha, visitaram, entre os dias 27 de fevereiro e 02 de março, o Centro Juvenil São João Batista, em Poxoréu, MT, onde é desenvolvido, em parceria com a ONG, o projeto “Torcida pela Vida”, que oferece atividades socioeducativas, esportivas e culturais,  para crianças e adolescentes.   Com a visita, as representantes da ONG, Annegret Spitz e Cláudia Steiner, pretendiam conhecer de perto as famílias das crianças e jovens que são atendidos pelo projeto e avaliar de que maneira o projeto colabora no fortalecimento dos vínculos familiares como Sistema Preventivo.   No período da visita, as representantes aproveitaram para entrevistar os monitores que desenvolvem as atividades com as crianças e jovens, e para conversar, ora individualmente  ora coletivamente, com alguns dos atendidos pelo projeto. Ainda na visita, elas veriguaram, por meio de um detalhado relatório, como o grupo de jovens Bote Fé está se organizando para participar da Jornada Mundial da Juventude.   O projeto Torcida pela Vida é desenvolvido pelo Centro Juvenil São João Batista, em parceria com a ONG, desde 2012. Algumas das atividades oferecidas por meio do projeto são: oficinas culturais de dança, catira e violão, laboratórios de inclusão digital, além dos treinos de futebol, futsal e handball. O futebol é o destaque dentre as atividades oferecidas.   Missão Salesiana de Mato Grosso
Published in Nacionais
Bruno Alexis Morales Huaco, estudante do 9º ano no Colégio Salesiano Itajaí, em Santa Catarina, foi o único aluno de Itajaí e região classificado para a 3ª fase da Olimpíada Brasileira de Física. A prova foi realizada no dia 6 de outubro, em Joinville, e envolveu questões teóricas e atividades práticas. O resultado deve sair em breve.   Bruno conta que se interessou em participar da olimpíada quando a professora de Ciências fez o convite na sala. Ele pensa em cursar Engenharia e resolveu se inscrever. Para se preparar, contou também com a ajuda do professor de Física André Lisboa de Oliveira, que ministra as aulas de apoio no período vespertino.   RSE Informa
Published in Nacionais
Nos dias 27 e 28 de setembro, alunos do Instituto Nossa Senhora Auxiliadora (INSA Oratório) surpreenderam a comunidade de Cruzeiro,SP, durante a Marcha da Juventude Salesiana. Eles prepararam e apresentaram um flash mob (*), contagiando as pessoas com coreografias sincronizadas e divertidas.  A apresentação nas ruas fez parte da Jornada da Juventude, evento preparatório da Jornada Mundial da Juventude realizado há 13 anos na cidade.   Na tarde da sexta-feira, 28 de junho, os alunos tomaram conta das ruas do centro de Cruzeiro. Divididos em duas equipes, Paz e Vida, eles levavam uma réplica da cruz da JMJ. No meio do trajeto, os jovens se uniram e, sob o som de uma música eletrônica, apresentaram o flash mob. Os passos da dança foram inventados pela dançarina Isabela de Paiva Gomes, aluna do 2º ano do ensino médio, que ensaiou com os alunos durante as atividades da pastoral escolar.   Flash mob  (*)É uma produção espontânea em que um grupo de pessoas se reúne de repente em um lugar e realiza um ato incomum e aparentemente sem sentido por um breve período de tempo, e depois se dispersa, muitas vezes para fins de entretenimento, sátira ou expressão artística.   Clique aqui e assista o flash mob do INSA   RSE Informa  
Published in Nacionais
  O modelo de estudo e meditação é tão antigo quanto o cristianismo e, tal como a mística da fé, vem tocando os corações de seus adeptos desde então. A leitura orante aplicada na educação e evangelização dos jovens lhes desperta encantamento no contato com Deus. Estima-se que haja mais de 2,5 bilhões de exemplares da Bíblia Sagrada em todo mundo, e mais de 2.500 traduções de suas páginas nos dias de hoje. No mês de setembro, quando se comemora o Mês da Bíblia, o Boletim Salesiano destaca a Lectio Divina, a leitura orante, uma metodologia de leitura deste livro que remonta há mais de 1.000 anos e que continua atual, no desafio de propagar o conhecimento da palavra de Deus. Padre Edmilson Tadeu Canavarros dos Santos, vice-inspetor da Inspetoria de Campo Grande, MS, observa que os tempos de hoje são mais favoráveis à leitura da Bíblia. “Hoje temos mais pessoas alfabetizadas, além de uma vasta literatura que subsidia a Lectio Divina, quando a metodologia é aplicada. Certamente hoje temos mais pessoas com acesso à Palavra de Deus e com mais capacidade de entendê-la”, analisa.  
Published in Igreja
Page 2 of 2
A Via-Sacra da Jornada Mundial da Juventude Rio2013, em Copacabana, que será realizada no dia 26 de julho, promete ser um momento de fé, amor e compaixão pelos jovens, com uma linguagem contemporânea que dialoga com questões do mundo atual da juventude. Com 14 estações que mostrarão o sofrimento de Jesus e “as dores” presentes na sociedade de hoje, a representação do percurso feito por Cristo antes de ser crucificado terá a presença do Papa Francisco.   Passado e presente do Cristianismo vão se misturar na Avenida Atlântica. Ocupando aproximadamente 800 metros do canteiro central da via, as estações da Via Sacra de Jerusalém, também conhecida como Via Dolorosa ou Via Crucis, vão ter referência a 14 temas diferentes: “jovem missionário”, “jovem convertido”, “jovem de comunidade de recuperação”, “jovem falando em nome das mães”, “seminarista”, “religiosa que luta pela vida (contra o aborto)”, “casal de namorados”, “jovem falando pelas mulheres que sofrem”, “estudante cadeirante”, “jovem das redes sociais”, “presidiário ou jovem da pastoral penal”, “jovem com doença terminal”, “jovem deficiente auditivo” e “jovens da África, América do Norte, da América Latina e do Caribe, da Europa, da Ásia e da Oceania”.   Todos esses temas serão representados em um cenário que vai remontar à cidade antiga de Jerusalém, comum percurso usado nas procissões do século XVI. Segundo o diretor artístico da JMJ, Ulysses Cruz, este foi o cenário escolhido porque possui marcos históricos que fazem parte da tradição católica. “A Via Sacra data dessa época. Durante os séculos, ela foi sofrendo modificações, mas sua essência é a que conhecemos hoje. As infinitas variações são interpretações artísticas criadas pelo mundo, mas o que existe de mais próximo da verdade é essa”, afirmou.   O diretor artístico também contou que o Papa Francisco presidirá a Via Sacra do palco principal. Além da encenação dos momentos do sofrimento de Jesus nas 13 estações (a 14ª estação será no palco principal), também haverá uma representação de tudo o que está acontecendo no palco principal, perto do Papa Francisco. “Ela será criada para que o Santo Padre participe de modo real de tudo o que está acontecendo em cada uma das estações”, destacou Ulysses, que também disse que haverá um telão no palco principal. O palco, que terá capacidade para 1500 convidados sentados, estará localizado na altura da Praça do Lido. Cerca de 20 cadeirantes estarão no palco representando os portadores de deficiência.   Com um diálogo com a linguagem das artes de várias épocas, principalmente a arte contemporânea, a Via Sacra da JMJ Rio2013 pretende ser a “Via Sacra do Jovem Solidário”. “Será completamente diferente da Via Sacra da JMJ de Madri. Em cada estação haverá uma surpresa para que tudo fique ainda mais emocionante e faça o público refletir sobre o seu significado. Desde seu conceito - refletir sobre o sofrimento de Jesus na Cruz e o sofrimento do jovem hoje - até os recursos cênicos evocados, passando pela sua trilha sonora - orquestra sinfônica, DJ e guitarras elétricas - tudo é novo nessa Via Sacra”, destacou.   Um ponto a ser destacado é que haverá transmissão ao vivo pela televisão e pelos telões espalhados pela cidade, que vão retransmitir as imagens da TV. Os organizadores ressaltam que a presença no evento é “forte e emocionante” porque é ao vivo, mas pela televisão haverá uma “visão ampla e comentada”.   Jovens que vão fazer a encenação já estão sendo escolhidos   As cenas da Via Crucis serão representadas por atores voluntários e personalidades católicas. As audições para a escolha dos voluntários já estão em fase final de seleção. Serão selecionados cerca de 500 voluntários. O local previsto para os ensaios será o Colégio Santo Inácio. Segundo Ulysses, os nomes das personalidades ainda não foram divulgados porque não houve o convite da organização. Os palcos da Via Sacra serão construídos em formato de grandes escadarias e as encenações acontecerão nos degraus e nas plataformas deles. O ensaio geral deve realizar-se na madrugada do dia 26 de julho, na Avenida Atlântica, já com o cenário pronto.   JMJ Rio2013   Leia Também: Catequeses: o coração da Jornada
Published in Nacionais
A presença salesiana em Lorena, no estado de São Paulo, vem ampliando as suas atividades de serviço à juventude com a reativação do Oratório Dom Bosco da Vila Brito e com o início das atividades na Paróquia Nossa Senhora das Graças, na Vila Nunes, ambos ocorridos no dia 31 de março, domingo de Páscoa.   O Oratório Dom Bosco passa a funcionar aos sábados e domingos das 14h às 17h, com atividades lúdicas e esportivas para crianças e adolescentes, que serão acompanhadas pela irmã Ana Maria, Filha de Maria Auxiliadora (FMA), e pelos pós-noviços Antônio Rocha e Fabiano Oliveira. A reinauguração do Oratório foi realizada com uma missa de Páscoa às 9h, celebrada pelo pároco, padre Jefferson Silva.   Após a missa no Oratório Dom Bosco, padre Jefferson celebrou a Páscoa na Igreja Nossa Senhora das Graças, onde os pós-noviços realizaram um campeonato de ping-pong, dando início às atividades recreativas que serão oferecidas para crianças e adolescentes aos domingos, das 8h às 10h, antes da missa da catequese. O objetivo das atividades, além de criar um novo espaço de cultura e lazer, é formar um grupo da Articulação da Juventude Salesiana (AJS) na paróquia, composto por adolescentes e jovens.   O Oratório Dom Bosco fica localizado na Rua Cap. Alcyr Fillizzola, 346, na Vila Brito,  e a Paróquia Nossa Senhora das Graças fica na Avenida Targino Villela Nunes, 105, na Vila Nunes, telefone: (12) 3153-5042.   Inspetoria Salesiana de São Paulo
Published in Nacionais
Representantes da ONG alemã, Dom Bosco Missão, com sede em Bonn, na Alemanha, visitaram, entre os dias 27 de fevereiro e 02 de março, o Centro Juvenil São João Batista, em Poxoréu, MT, onde é desenvolvido, em parceria com a ONG, o projeto “Torcida pela Vida”, que oferece atividades socioeducativas, esportivas e culturais,  para crianças e adolescentes.   Com a visita, as representantes da ONG, Annegret Spitz e Cláudia Steiner, pretendiam conhecer de perto as famílias das crianças e jovens que são atendidos pelo projeto e avaliar de que maneira o projeto colabora no fortalecimento dos vínculos familiares como Sistema Preventivo.   No período da visita, as representantes aproveitaram para entrevistar os monitores que desenvolvem as atividades com as crianças e jovens, e para conversar, ora individualmente  ora coletivamente, com alguns dos atendidos pelo projeto. Ainda na visita, elas veriguaram, por meio de um detalhado relatório, como o grupo de jovens Bote Fé está se organizando para participar da Jornada Mundial da Juventude.   O projeto Torcida pela Vida é desenvolvido pelo Centro Juvenil São João Batista, em parceria com a ONG, desde 2012. Algumas das atividades oferecidas por meio do projeto são: oficinas culturais de dança, catira e violão, laboratórios de inclusão digital, além dos treinos de futebol, futsal e handball. O futebol é o destaque dentre as atividades oferecidas.   Missão Salesiana de Mato Grosso
Published in Nacionais
Bruno Alexis Morales Huaco, estudante do 9º ano no Colégio Salesiano Itajaí, em Santa Catarina, foi o único aluno de Itajaí e região classificado para a 3ª fase da Olimpíada Brasileira de Física. A prova foi realizada no dia 6 de outubro, em Joinville, e envolveu questões teóricas e atividades práticas. O resultado deve sair em breve.   Bruno conta que se interessou em participar da olimpíada quando a professora de Ciências fez o convite na sala. Ele pensa em cursar Engenharia e resolveu se inscrever. Para se preparar, contou também com a ajuda do professor de Física André Lisboa de Oliveira, que ministra as aulas de apoio no período vespertino.   RSE Informa
Published in Nacionais
Nos dias 27 e 28 de setembro, alunos do Instituto Nossa Senhora Auxiliadora (INSA Oratório) surpreenderam a comunidade de Cruzeiro,SP, durante a Marcha da Juventude Salesiana. Eles prepararam e apresentaram um flash mob (*), contagiando as pessoas com coreografias sincronizadas e divertidas.  A apresentação nas ruas fez parte da Jornada da Juventude, evento preparatório da Jornada Mundial da Juventude realizado há 13 anos na cidade.   Na tarde da sexta-feira, 28 de junho, os alunos tomaram conta das ruas do centro de Cruzeiro. Divididos em duas equipes, Paz e Vida, eles levavam uma réplica da cruz da JMJ. No meio do trajeto, os jovens se uniram e, sob o som de uma música eletrônica, apresentaram o flash mob. Os passos da dança foram inventados pela dançarina Isabela de Paiva Gomes, aluna do 2º ano do ensino médio, que ensaiou com os alunos durante as atividades da pastoral escolar.   Flash mob  (*)É uma produção espontânea em que um grupo de pessoas se reúne de repente em um lugar e realiza um ato incomum e aparentemente sem sentido por um breve período de tempo, e depois se dispersa, muitas vezes para fins de entretenimento, sátira ou expressão artística.   Clique aqui e assista o flash mob do INSA   RSE Informa  
Published in Nacionais
  O modelo de estudo e meditação é tão antigo quanto o cristianismo e, tal como a mística da fé, vem tocando os corações de seus adeptos desde então. A leitura orante aplicada na educação e evangelização dos jovens lhes desperta encantamento no contato com Deus. Estima-se que haja mais de 2,5 bilhões de exemplares da Bíblia Sagrada em todo mundo, e mais de 2.500 traduções de suas páginas nos dias de hoje. No mês de setembro, quando se comemora o Mês da Bíblia, o Boletim Salesiano destaca a Lectio Divina, a leitura orante, uma metodologia de leitura deste livro que remonta há mais de 1.000 anos e que continua atual, no desafio de propagar o conhecimento da palavra de Deus. Padre Edmilson Tadeu Canavarros dos Santos, vice-inspetor da Inspetoria de Campo Grande, MS, observa que os tempos de hoje são mais favoráveis à leitura da Bíblia. “Hoje temos mais pessoas alfabetizadas, além de uma vasta literatura que subsidia a Lectio Divina, quando a metodologia é aplicada. Certamente hoje temos mais pessoas com acesso à Palavra de Deus e com mais capacidade de entendê-la”, analisa.  
Published in Igreja
Page 2 of 2