Salesianos ajudam população necessitada no Togo

Wednesday, 04 November 2020 16:27 Written by  Agência Info Salesiana
Graças ao apoio da Procuradoria Missionária Salesiana de New Rochelle, as pessoas assistidas pela paróquia Maria Auxiliadora, de Gbényedzi de Lomé, no Togo, estão recebendo dispositivos de proteção contra o coronavírus e cestas de alimentos.


Cerca de 500 pessoas, assistidas pela paróquia Maria Auxiliadora, de Gbényedzi de Lomé, no Togo, têm acesso a material de proteção contra o coronavírus e a cestas básicas de alimentos, graças ao apoio salesiano internacional, disponibilizado pela Procuradoria Missionária Salesiana de New Rochelle, nos EUA. O apoio é usado para a compra e distribuição de máscaras, instalação de lavatórios para higienizar as mãos e aquisição de termômetros infravermelhos para a medição de temperatura, além de alimentos para serem distribuídos entre os necessitados por parte dos salesianos da paróquia.


Muitas pessoas, jovens e idosos, já foram beneficiadas por este projeto. Uma delas é Lady Donyon, viúva de 70 anos. Para sobreviver, vendia carvão, mas os filhos de seu falecido marido não lhe deram tempo para desenvolver seu negócio, e seu único filho, que ficou com ela, tem deficiência mental.


Donyon e seus netos lutam para vender sachês de água potável nos mercados (um hábito comum na África Ocidental devido à falta de segurança da água). Depois da escola, os netos ajudam os vendedores no mercado. Para Donyon e os familiares que ficaram com ela, as cestas básicas de alimentos fornecidas pelos Salesianos são essenciais, uma vez que a pandemia do coronavírus piorou a situação.


“Este kit vai permitir que eu, meus dois netos e meu filho possamos comer. Desta forma, posso deixar de sair à procura de sachês nos próximos dias. Agradeço de coração aos Salesianos e aos seus benfeitores por terem pensado em nós”, diz Donyon com gratidão.


Desde o início da pandemia do coronavírus, os salesianos do Togo trabalham para responder às necessidades dos jovens mais pobres e das suas famílias. Nas comunidades salesianas, nas paróquias, nas escolas e em todas as suas instituições, os religiosos distribuem máscaras, fornecem sabão, água potável, alimentos e kits de higiene, e adaptaram as aulas.


Os salesianos também estão atentos à maneira de como as pessoas lidam emocionalmente com os efeitos da quarentena e do confinamento. Muitos estão apoiando os membros de suas comunidades por meio de atividades on-line, linhas telefônicas de apoio e atendimento psicossocial.


De acordo com a UNICEF, mais de 80% da população rural do Togo vive na pobreza - as crianças representam quase 50% deste segmento. Uma em cada oito crianças não chegará aos cinco anos de idade e o número de crianças que abandonam a escola é muito elevado. Para ajudar as famílias, muitas crianças são forçadas a trabalhar em condições de exploração e perigo.


Diante de tudo isso, os salesianos não podem deixar de multiplicar os esforços para oferecer ajuda e educação imediata a estas crianças, visando romper o círculo vicioso da pobreza.


Fonte: Agência Info Salesiana

Rate this item
(0 votes)

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.


Salesianos ajudam população necessitada no Togo

Wednesday, 04 November 2020 16:27 Written by  Agência Info Salesiana
Graças ao apoio da Procuradoria Missionária Salesiana de New Rochelle, as pessoas assistidas pela paróquia Maria Auxiliadora, de Gbényedzi de Lomé, no Togo, estão recebendo dispositivos de proteção contra o coronavírus e cestas de alimentos.


Cerca de 500 pessoas, assistidas pela paróquia Maria Auxiliadora, de Gbényedzi de Lomé, no Togo, têm acesso a material de proteção contra o coronavírus e a cestas básicas de alimentos, graças ao apoio salesiano internacional, disponibilizado pela Procuradoria Missionária Salesiana de New Rochelle, nos EUA. O apoio é usado para a compra e distribuição de máscaras, instalação de lavatórios para higienizar as mãos e aquisição de termômetros infravermelhos para a medição de temperatura, além de alimentos para serem distribuídos entre os necessitados por parte dos salesianos da paróquia.


Muitas pessoas, jovens e idosos, já foram beneficiadas por este projeto. Uma delas é Lady Donyon, viúva de 70 anos. Para sobreviver, vendia carvão, mas os filhos de seu falecido marido não lhe deram tempo para desenvolver seu negócio, e seu único filho, que ficou com ela, tem deficiência mental.


Donyon e seus netos lutam para vender sachês de água potável nos mercados (um hábito comum na África Ocidental devido à falta de segurança da água). Depois da escola, os netos ajudam os vendedores no mercado. Para Donyon e os familiares que ficaram com ela, as cestas básicas de alimentos fornecidas pelos Salesianos são essenciais, uma vez que a pandemia do coronavírus piorou a situação.


“Este kit vai permitir que eu, meus dois netos e meu filho possamos comer. Desta forma, posso deixar de sair à procura de sachês nos próximos dias. Agradeço de coração aos Salesianos e aos seus benfeitores por terem pensado em nós”, diz Donyon com gratidão.


Desde o início da pandemia do coronavírus, os salesianos do Togo trabalham para responder às necessidades dos jovens mais pobres e das suas famílias. Nas comunidades salesianas, nas paróquias, nas escolas e em todas as suas instituições, os religiosos distribuem máscaras, fornecem sabão, água potável, alimentos e kits de higiene, e adaptaram as aulas.


Os salesianos também estão atentos à maneira de como as pessoas lidam emocionalmente com os efeitos da quarentena e do confinamento. Muitos estão apoiando os membros de suas comunidades por meio de atividades on-line, linhas telefônicas de apoio e atendimento psicossocial.


De acordo com a UNICEF, mais de 80% da população rural do Togo vive na pobreza - as crianças representam quase 50% deste segmento. Uma em cada oito crianças não chegará aos cinco anos de idade e o número de crianças que abandonam a escola é muito elevado. Para ajudar as famílias, muitas crianças são forçadas a trabalhar em condições de exploração e perigo.


Diante de tudo isso, os salesianos não podem deixar de multiplicar os esforços para oferecer ajuda e educação imediata a estas crianças, visando romper o círculo vicioso da pobreza.


Fonte: Agência Info Salesiana

Rate this item
(0 votes)

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.