Reitor-mor envia carta aos jovens do MJS da Venezuela

Wednesday, 19 March 2014 12:32 Written by  InfoANS
Reitor-mor envia carta aos jovens do MJS da Venezuela InfoANS
“Hoje, da Venezuela, nós, jovens universitários do Movimento Juvenil Salesiano (MJS) unimos nossas vozes e lançamos um SOS: estamos sendo formados pelas Filhas de Maria Auxiliadora e delas aprendemos o valor de ser bons cristãos e honestos cidadãos, herança do nosso amado Pai, Dom Bosco...”. Assim começa a carta enviada pelos jovens universitários do MJS – publicada integralmente no site sdb.org – ao reitor-mor da Congregação Salesiana, padre Pascual Chávez.

A Agência de Notícias Salesianas (InfoANS) publicou a resposta à mensagem recebida dos Jovens da Venezuela, na qual padre Pascual Chávez escreve:

“Caríssimos Jovens do Movimento Juvenil Salesiano na Venezuela, saúdo-vos com o coração de Dom Bosco, que nada mais lhes desejaria senão vê-los felizes, com oportunidade de educação e trabalho que lhes permitisse integrar-se na sociedade como ‘bons cristãos e honestos cidadãos’.
 

Tudo isso supõe uma situação na sociedade em que reine verdadeira democracia, um estado de direito, a paz e o pleno respeito à liberdade dos cidadãos, o que infelizmente não está acontecendo na Venezuela, onde o direito de manifestar-se foi considerado uma agressão ao Estado, provocando, direta ou indiretamente, uma reação contra os seus cidadãos.
 

Em particular acompanhei pela mídia e redes sociais, a participação dos jovens que reclamam plena liberdade e respeito à dignidade e aos direitos de toda pessoa humana, num país que se ufana de ser democrático.
 

Se por um lado é exemplar ver jovens que, superando a indiferença ou as comodidades, e livres de ideologias políticas, marcham pacificamente levados pelo desejo de liberdade, por outro sofro realmente em ver que jovens vidas estão sendo cortadas pela violência, mortas por quem fez do poder um modo de ser, algo de se conservar a todo custo.
 

Tive a alegria de visitar e estar na Venezuela muitas vezes, tendo participado de muitos eventos do MJS e partilhado as inesquecíveis experiências da JMJ de Madri, em 2011, e do Rio, em 2013: sinto-me grandemente perto de todos. Faço meus os sonhos por uma Venezuela que seja casa de todos. E condivido as suas ‘alegrias e esperanças, tristezas e angústias’, neste momento histórico do país, que deve ser construído por todos.
 

Alegra-me saber que estão vivendo este empenho com grande sentido de solidariedade, fraternidade, responsabilidade cívica, e que o fazem como ‘discípulos missionários de Cristo’, cuja fé nos convida a transformar o mundo em profundidade.
 

É belo ouvir que nesta aventura se sentem chamados a viver sempre mais radicados em Cristo, e apoiados pelas próprias famílias e médicos da comunidade.
 

Como escreveu Dom Bosco de Roma aos seus meninos de Valdocco,‘longe ou perto, penso sempre em vocês, porque os trago a todos no coração, onde levo a Quem mais amo: Jesus Cristo.
 

Confio todos e cada um aos cuidados e guia maternos de Maria Auxiliadora. Seja-lhes Ela Mãe e Mestra nesta fase da vida e da história”.
 

Um abraço e minha bênção!

Padre Pascual Chávez  - reitor-mor dos Salesianos
 

InfoANS

 

Leia também: Mensagem da madre geral das FMA para o jovens do MJS da Venezuela 


Notícia relacionada: MJS da Venezuela se manifesta contra os conflitos no país 

Rate this item
(0 votes)
Last modified on Monday, 24 March 2014 16:08

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.


Reitor-mor envia carta aos jovens do MJS da Venezuela

Wednesday, 19 March 2014 12:32 Written by  InfoANS
Reitor-mor envia carta aos jovens do MJS da Venezuela InfoANS
“Hoje, da Venezuela, nós, jovens universitários do Movimento Juvenil Salesiano (MJS) unimos nossas vozes e lançamos um SOS: estamos sendo formados pelas Filhas de Maria Auxiliadora e delas aprendemos o valor de ser bons cristãos e honestos cidadãos, herança do nosso amado Pai, Dom Bosco...”. Assim começa a carta enviada pelos jovens universitários do MJS – publicada integralmente no site sdb.org – ao reitor-mor da Congregação Salesiana, padre Pascual Chávez.

A Agência de Notícias Salesianas (InfoANS) publicou a resposta à mensagem recebida dos Jovens da Venezuela, na qual padre Pascual Chávez escreve:

“Caríssimos Jovens do Movimento Juvenil Salesiano na Venezuela, saúdo-vos com o coração de Dom Bosco, que nada mais lhes desejaria senão vê-los felizes, com oportunidade de educação e trabalho que lhes permitisse integrar-se na sociedade como ‘bons cristãos e honestos cidadãos’.
 

Tudo isso supõe uma situação na sociedade em que reine verdadeira democracia, um estado de direito, a paz e o pleno respeito à liberdade dos cidadãos, o que infelizmente não está acontecendo na Venezuela, onde o direito de manifestar-se foi considerado uma agressão ao Estado, provocando, direta ou indiretamente, uma reação contra os seus cidadãos.
 

Em particular acompanhei pela mídia e redes sociais, a participação dos jovens que reclamam plena liberdade e respeito à dignidade e aos direitos de toda pessoa humana, num país que se ufana de ser democrático.
 

Se por um lado é exemplar ver jovens que, superando a indiferença ou as comodidades, e livres de ideologias políticas, marcham pacificamente levados pelo desejo de liberdade, por outro sofro realmente em ver que jovens vidas estão sendo cortadas pela violência, mortas por quem fez do poder um modo de ser, algo de se conservar a todo custo.
 

Tive a alegria de visitar e estar na Venezuela muitas vezes, tendo participado de muitos eventos do MJS e partilhado as inesquecíveis experiências da JMJ de Madri, em 2011, e do Rio, em 2013: sinto-me grandemente perto de todos. Faço meus os sonhos por uma Venezuela que seja casa de todos. E condivido as suas ‘alegrias e esperanças, tristezas e angústias’, neste momento histórico do país, que deve ser construído por todos.
 

Alegra-me saber que estão vivendo este empenho com grande sentido de solidariedade, fraternidade, responsabilidade cívica, e que o fazem como ‘discípulos missionários de Cristo’, cuja fé nos convida a transformar o mundo em profundidade.
 

É belo ouvir que nesta aventura se sentem chamados a viver sempre mais radicados em Cristo, e apoiados pelas próprias famílias e médicos da comunidade.
 

Como escreveu Dom Bosco de Roma aos seus meninos de Valdocco,‘longe ou perto, penso sempre em vocês, porque os trago a todos no coração, onde levo a Quem mais amo: Jesus Cristo.
 

Confio todos e cada um aos cuidados e guia maternos de Maria Auxiliadora. Seja-lhes Ela Mãe e Mestra nesta fase da vida e da história”.
 

Um abraço e minha bênção!

Padre Pascual Chávez  - reitor-mor dos Salesianos
 

InfoANS

 

Leia também: Mensagem da madre geral das FMA para o jovens do MJS da Venezuela 


Notícia relacionada: MJS da Venezuela se manifesta contra os conflitos no país 

Rate this item
(0 votes)
Last modified on Monday, 24 March 2014 16:08

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.