Centro Juvenil Dom Bosco realiza ação comunitária

Friday, 19 July 2019 12:20 Written by  Inspetoria São João Bosco
O Centro Juvenil Dom Bosco (CJDB), de Belo Horizonte, realizou, em parceria com o grupo Engenheiros da Alegria, uma ação social comunitária voltada para as famílias atendidas na obra salesiana. O evento, ocorrido em 13 de julho, teve como temática a Comunicação Não Violenta (CNV) e reuniu mais de 100 pessoas, entre educandos e seus familiares, educadores, voluntários e a equipe dos Engenheiros da Alegria.  


Diante dos desafios encontrados no trabalho e a percepção de que, em alguns casos, a agressividade é o recurso utilizado pelos jovens para encarar seus problemas, os educadores do Centro Juvenil Dom Bosco se juntaram para debater formas mais assertivas de resolução de conflitos. Juntos, eles chegaram à conclusão de que é preciso reforçar a comunicação, utilizando o diálogo e a empatia.


O intercâmbio de experiências foi bem visto pelos profissionais da obra, conforme conta Thamara Rocha, estagiária de serviço social do CJDB. “É sempre gratificante aprender e, por meio disso, buscar praticar. Agradeço à equipe do Engenheiros por essa rica oportunidade de conhecimento, tanto para o desenvolvimento do nosso trabalho aqui no Centro Juvenil, como para vida em todos os âmbitos. Sabemos que o desafio é grande, mas temos a certeza que a nossa vontade de não desistir de cada criança, cada adolescente e cada família é maior ainda”, afirmou ela.


Já para Janaína Alves, mãe dos educandos Arthur Gabriel, seis anos, e Flávio Wilson, 11 anos, o sentimento que fica é de gratidão. “Minha confiança de deixar meus filhos aqui é tão imensa que só tenho gratidão. Muito obrigada por essa tarde preciosa e cheia de conhecimento. Aprendi muito, quero ter um melhor relacionamento com os meus filhos e prometo que daqui para frente vou praticar o que foi ensinado”, disse.
 

Comunicação Não Violenta
 

A comunicação não violenta ou compassiva (CNV) é um processo de pesquisa contínuo criado por Marshall Rosenberg, psicólogo americano. A CNV é uma ferramenta para se relacionar de maneira mais autêntica e “desarmada”. A ideia consiste em “desligar” o modo de ataque ou defesa no início de uma conversa e permitir que as vulnerabilidades sejam mostradas. Com essa abordagem, é possível criar uma conexão entre os envolvidos que permite enxergar as necessidades de ambos. Todo esse processo acontece por meio da empatia, capacidade de se colocar no lugar do outro e, assim, compreendê-lo.
 

Engenheiros da Alegria

 

De acordo com informações publicadas na FanPage do grupo, os Engenheiros da Alegria são uma organização sem fins lucrativos que surgiu em 2011, inspirados nas atividades dos Doutores Alegria, no Jogo Oasis e no filme “A Corrente do Bem”. Todos os projetos alegreiros são voluntariados e abertos para todas as faixas etárias. Alegreiro é a pessoa que faz sorrir, e todos possuem o talento de poder construir um sorriso.
 

Visite a página dos Engenheiros da Alegria e conheça mais sobre o trabalho da organização.
 

Fonte: Inspetoria São João Bosco

Rate this item
(0 votes)
Last modified on Friday, 19 July 2019 12:51

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.


Centro Juvenil Dom Bosco realiza ação comunitária

Friday, 19 July 2019 12:20 Written by  Inspetoria São João Bosco
O Centro Juvenil Dom Bosco (CJDB), de Belo Horizonte, realizou, em parceria com o grupo Engenheiros da Alegria, uma ação social comunitária voltada para as famílias atendidas na obra salesiana. O evento, ocorrido em 13 de julho, teve como temática a Comunicação Não Violenta (CNV) e reuniu mais de 100 pessoas, entre educandos e seus familiares, educadores, voluntários e a equipe dos Engenheiros da Alegria.  


Diante dos desafios encontrados no trabalho e a percepção de que, em alguns casos, a agressividade é o recurso utilizado pelos jovens para encarar seus problemas, os educadores do Centro Juvenil Dom Bosco se juntaram para debater formas mais assertivas de resolução de conflitos. Juntos, eles chegaram à conclusão de que é preciso reforçar a comunicação, utilizando o diálogo e a empatia.


O intercâmbio de experiências foi bem visto pelos profissionais da obra, conforme conta Thamara Rocha, estagiária de serviço social do CJDB. “É sempre gratificante aprender e, por meio disso, buscar praticar. Agradeço à equipe do Engenheiros por essa rica oportunidade de conhecimento, tanto para o desenvolvimento do nosso trabalho aqui no Centro Juvenil, como para vida em todos os âmbitos. Sabemos que o desafio é grande, mas temos a certeza que a nossa vontade de não desistir de cada criança, cada adolescente e cada família é maior ainda”, afirmou ela.


Já para Janaína Alves, mãe dos educandos Arthur Gabriel, seis anos, e Flávio Wilson, 11 anos, o sentimento que fica é de gratidão. “Minha confiança de deixar meus filhos aqui é tão imensa que só tenho gratidão. Muito obrigada por essa tarde preciosa e cheia de conhecimento. Aprendi muito, quero ter um melhor relacionamento com os meus filhos e prometo que daqui para frente vou praticar o que foi ensinado”, disse.
 

Comunicação Não Violenta
 

A comunicação não violenta ou compassiva (CNV) é um processo de pesquisa contínuo criado por Marshall Rosenberg, psicólogo americano. A CNV é uma ferramenta para se relacionar de maneira mais autêntica e “desarmada”. A ideia consiste em “desligar” o modo de ataque ou defesa no início de uma conversa e permitir que as vulnerabilidades sejam mostradas. Com essa abordagem, é possível criar uma conexão entre os envolvidos que permite enxergar as necessidades de ambos. Todo esse processo acontece por meio da empatia, capacidade de se colocar no lugar do outro e, assim, compreendê-lo.
 

Engenheiros da Alegria

 

De acordo com informações publicadas na FanPage do grupo, os Engenheiros da Alegria são uma organização sem fins lucrativos que surgiu em 2011, inspirados nas atividades dos Doutores Alegria, no Jogo Oasis e no filme “A Corrente do Bem”. Todos os projetos alegreiros são voluntariados e abertos para todas as faixas etárias. Alegreiro é a pessoa que faz sorrir, e todos possuem o talento de poder construir um sorriso.
 

Visite a página dos Engenheiros da Alegria e conheça mais sobre o trabalho da organização.
 

Fonte: Inspetoria São João Bosco

Rate this item
(0 votes)
Last modified on Friday, 19 July 2019 12:51

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.